10 dicas para seu e-commerce vender mais

10 dicas para seu e-commerce vender mais

Quer vender mais no seu e-commerce? Então, adotar uma estratégia que englobe diversas áreas é fundamental,mas algumas pequenas práticas isoladas também podem fazer uma grande diferença no seu faturamento no final do mês.

Existem várias técnicas que podemos utilizar para impulsionar o crescimento de uma loja online, mas aqui te apresentamos somente dez que certamente terão um impacto muito significativo no sucesso da sua.

Bora lá?

10 dicas para seu e-commerce vender mais

1. Tenha um site otimizado também para dispositivos móveis

Mesmo após a pandemia, as compras via celulares estão cada vez maiores. Aqui no Brasil 81% dos consumidores fizeram pelo menos uma compra utilizando o smartphone em abril de 2022, segundo a pesquisa feita pelo​​ Panorama Mobile Time/Opinion Box.

Por isso, é muito importante escolher uma plataforma com um design que se encaixe perfeitamente nos diferentes tamanhos de tela, facilitando e melhorando a experiência do usuário.

2. Dê todas as informações possíveis sobre o  produto

Na maioria dos casos, quando compramos em alguma loja online, nós não vemos o produto pessoalmente. Por isso, é muito importante fazer uma apresentação que valorize o item, mostrando suas dimensões, cores, textura, etc.

Exibir imagens de vários ângulos e permitir o zoom já é um bom ponto de partida, porém, você pode melhorar ainda mais essa apresentação por meio de um vídeo! Assim o cliente terá uma ideia mais aproximada do tamanho real do objeto, bem como de seu desempenho e, consequentemente, você pode vender mais desse produto.

3. Otimize o seu processo de checkout

Uma das principais causas do abandono de carrinho na etapa de checkout é a lentidão do processo. Para evitar a perda desse cliente, as páginas de checkout devem carregar rapidamente, os formulários devem ser fáceis de preencher com o menor número de etapas possível.

Basicamente, o processo deve  ser rápido e simples, para que não atrapalhe a finalização da venda. Nessa etapa, também é importante ter todas as informações que são relevantes para a finalização da compra – opções de frete, preços, taxas, formas de pagamento.

4. Tenha uma comunicação com quem abandonar os carrinhos

Como falamos, carrinhos de compras abandonados são um grande problema no comércio eletrônico. Para combater essa tendência – negativa 😅-, você pode enviar e-mails para os clientes que adicionaram produtos no carrinho, mas não concluíram a compra.

Uma sugestão é que esta comunicação inclua a lista de produtos deixados no carrinho e que permita ao cliente finalizar a compra da forma mais simples e rápida possível. Como complemento ao e-mail, você também pode optar por enviar uma mensagem ao cliente com os dados de pagamento.

📦 Leia também: WhatsApp como ferramenta de vendas e relacionamento

5. Tenha uma logística assertiva

Sem dúvidas um dos principais motivos que fazem os clientes voltarem a comprar de uma loja online é a experiência que tem com a entrega. Oferecer entregas rápidas e transparentes, onde o cliente sabe exatamente qual a etapa em que se encontra o seu pedido, poderá fazer o seu e-commerce vender mais.

Para isso, você sozinho talvez não tenha tempo ou as melhores soluções, sendo necessário ir em busca de um parceiro logístico que poderá te orientar e oferecer a tecnologia necessária para a sua loja online.

A Estoca, por exemplo, oferece um serviço chamado fulfillment, ou seja, nós cuidamos desde a gestão do seu estoque, o recebimento do pedido no seu e-commerce até a entrega na porta do cliente.

Assim, você pode focar todos os seus esforços em fazer cada vez mais vendas, tendo a certeza de que a gestão logística do seu e-commerce está em boas mãos!

📦 Saiba mais: 7 motivos para terceirizar o Fulfillment do seu e-commerce

6. Ofereça uma política de troca e devolução justa e clara

Estudos mostram que 66% dos clientes verificam a política de trocas e devoluções da loja online antes de efetuar uma compra. E é essencial que eles façam isso mesmo, nada melhor do que um cliente informado e alinhamos com as nossas normas, né? 😍

Por isso, é muito importante que sua loja apresente uma página onde cada processo de devolução seja explicado de forma clara!

Esses tipos de políticas também devem ser justos com o cliente – por exemplo, você sabia que uma política de troca e devolução gratuita poderá aumentar ainda mais as vendas e reter mais clientes? Cerca de 95% dos clientes afirmam comprar de volta em uma determinada loja, depois de terem uma experiência positiva com uma troca ou devolução.

7. Libere descontos

Os descontos são uma das ferramentas de persuasão mais valiosas nas vendas online! Afinal, quem não gosta de comprar um produto por um preço mais acessível? Vamos te mostrar alguns exemplos de promoções comuns em e-commerces:

  • Envio grátis
  • Compre um produto e leve outro de graça
  • Brindes ou amostras grátis
  • Cupons de desconto
  • Descontos baseados em porcentagens
  • Descontos de quantidade
  • Sistema de acúmulo de pontos que podem ser trocados por produtos posteriormente

Existem inúmeros tipos de promoções e é sempre importante analisar qual se adequa melhor ao seu modelo de negócio e ao seu público-alvo.

Mas lembre-se, os descontos devem fazer parte da sua estratégia e de forma alguma devem comprometer seu lucro. Uma boa ideia é oferecer descontos em itens que você tenha em maior quantidade ou que estejam há mais tempo no estoque.

8. Ouça os seus clientes

Um dos maiores desafios do e-commerce é a criação de um vínculo de confiança com o cliente.

Estudos mostram que 92% dos consumidores confiam tanto nas avaliações que encontram em lojas online quanto em uma recomendação pessoal. Dessa forma, as avaliações positivas e sinceras de seus clientes podem estimular novas vendas.

Para isso, basta atender às expectativas de seus clientes e incentivá-los a deixar uma avaliação positiva e imparcial em sua loja – esse incentivo pode ser, por exemplo, um e-mail enviado alguns dias após a entrega do produto.

E, caso você receba algum comentário negativo, o importante é solucionar o problema e responder o comentário! 

9. Tenha uma estratégia de remarketing

O remarketing é um excelente recurso que permite a exibição de conteúdo e anúncios para todos aqueles que já tiveram contato com a loja ou uma campanha, mas que por algum motivo não finalizaram a compra. Quando falamos diretamente com esse público, é possível vender mais e de um jeito mais fácil.

O público onde o remarketing atua é extremamente segmentado e o principal objetivo é “refrescar” a memória de quem já foi atraído por seus produtos. Existem várias redes de anúncios que oferecem ferramentas para iniciar uma campanha de remarketing, sendo as mais comuns o Facebook Ads e o Google Ads.

10. Analise dados

Para criar uma estratégia de comunicação é importante conhecer bem o perfil dos seus clientes: onde moram, qual a faixa etária, que tipos de produtos consomem, quanto costumam gastar em compras online, etc.

Você pode analisar todos os dados que os clientes disponibilizam e cruzar as informações. Depois de conhecer as necessidades dos seus clientes será muito mais fácil conseguir os produtos que eles procuram através dos canais que mais utilizam – Google, Facebook, Instagram, LinkedIn, e-mail, entre outros.

Uma estratégia de publicidade online é essencial em qualquer e-commerce. No momento, as duas principais plataformas que dominam a publicidade online são o Google Ads e o Facebook Ads.

Agora que você já sabe todas essas dicas, que tal começar a colocá-las em prática para vender mais no seu e-commerce?

Resumindo nossas dicas: Foque no cliente e tenha um parceiro de logística!

Colocar essas dicas em prática pode te ajudar a vender mais e com isso, aumentar o seu lucro. Entender o cliente e ter uma boa gestão de logística são fatores fundamentais para você ter sucesso no seu e-commerce.

Conte com a Estoca para iniciar o seu planejamento!

× Fale com um especialista